Nintendo Switch: Especificações Técnicas

Nintendo Switch: Especificações Técnicas

janeiro 13, 2017 2 Por Morpheus

Agora que já sabemos quando o Nintendo Switch chega e quanto vamos pagar por ele, a Nintendo revelou quais são as especificações técnicas do seu videogame híbrido — você vai poder jogar na TV e também levá-lo para qualquer lugar usando sua tela própria. Além disso, foram revelados jogos como Super Mario Odyssey e a data de lançamento de The Legend of Zelda: Breath of the Wild.

Veja também: Nintendo Switch Presentation 2017 — resumo da conferência

Tela

O Nintendo Switch tem uma tela própria sensível ao toque de 6,2 polegadas com resolução de 720p (1280×720). A tela do GamePad do Wii U tinha resolução de 854×480.

A tela fica entre o tamanho de um pequeno tablet (o iPad Mini tem um monitor de 7,9 polegadas) e um celular. Para se ter uma ideia, o iPhone 7 Plus tem uma tela de 5,5 polegadas com resolução de 1080×1920 pixels. Com o mesmo tamanho de tela do iPhone, o Galaxy S7 Edge faz 1440×2560 pixels.

Ao ser conectado na base, a Nintendo afirma que o Switch é capaz de rodar games em FullHD (1080p) por meio de um cabo HDMI. Nesta conexão, o console reproduz som digital no formato 5.1. Ao ser usado como portátil, o som é estéreo e sai por dois alto falantes localizados logo abaixo da tela.

Imagem mostra detalhes do modo portátil do Nintendo Switch

Armazenamento e processador

O Switch possui um processador feito especialmente para ele pela Nvidia. É usado um chip Tegra, mas detalhas mais específicos sobre ele não foram revelados. O processador é um system-on-a-chip (SOC) baseado em ARM. Este modelo da Nvidia é usado em tabletse smartphones. Para comparação, os consoles atuais são baseados em x86 do PC. O Switch é o primeiro console que é construído com base em ARM.

Na parte de armazenamento, o console tem 32 GB de memória interna. O PlayStation 4 e o Xbox One possuem HDs que variam de 500 GB a 1 TB, podendo expandir com HDs externos (no caso do Xbox) ou até realizando uma troca para outro maior. O espaço de armazenamento do Switch, ainda mais se o usuário optar por baixar os títulos, parece pequeno. Contudo, também não sabemos qual é o tamanho dos jogos do aparelho.

Imagem detalha capacidades do Nintendo Switch

O que vai ajudar a aumentar o espaço de armazenamento é a possibilidade de usar cartões microSD, com tamanhos de 32 GB que podem ser encontrados em lojas. Ele também aceita o formato microSDXC, que guarda até 200 GB. Ainda, o jogador pode optar pelos GameCards, os “cartuchos” do Switch, o que economizaria espaço no videogame.

Bateria e carregamento

Uma das maiores preocupações dos futuros donos do Nintendo Switch é a duração da bateria. Ao sair com ele para jogar fora da base, a empresa afirma que ele vai poder ser usado por entre 2,5 horas até 6 horas antes de precisar ser recarregado. Este tempo vai depender da exigência gráfica do game que está sendo jogado e é difícil saber quanto cada um vai exigir. Para se ter uma ideia, The Legend of Zelda: Breath of the Wild faz com que o Switch tenha uma autonomia de 3 horas de jogo.

O carregamento da bateria será feito por uma porta com padrão USB-C — uma grande mudança de paradigmas para a Nintendo que, em vez de utilizar uma porta própria como no passado, utiliza uma entrada universal. Assim, qualquer outro carregador neste padrão pode recarregar as bateria do Switch.

Conexões

O Switch possui conexão Wi-Fi 802.11ac. Assim, você pode conectá-lo na sua rede sem fio doméstica ou, quando na rua, usar o seu celular como roteador para jogo online por redes móveis 3G ou 4G. Caso prefira usar cabos, o Switch terá um adaptador USB LAN.

Até oito Switch podem ser conectados sem fios para partidas em multiplayer local.

A doca que recarrega o Switch e leva as imagens ao televisor possui duas portas USB para recarregar acessórios.

 

Fonte: IGN Brasil